O Café brasileiro segue evoluindo! Quer provar? Para comemorar esse Dia Nacional do Café (24/5), te oferecendo uma experiência! Que tal provar dois cafés bem diferentes… e descobrir o seu jeito de degustar?

Hoje, Dia Nacional do Café, você vai a uma unidade do Santo Grão tomar o seu café… e nós te servimos dois!
Aqui vão algumas dicas para começar a degustação do Café Santo Grão + Café tradicional:

Guia para se aventurar em experimentações de café! 

O que é um bom café?  

Aquele que você gosta. Geralmente são limpos (não sujos; não tem sabor de terra, química, borracha…), são doces, e tem algo especial a mais: frutado, achocolatado… etc. E acredite: o corpo não mente.

Como você pode se preparar para prova?  

Evitar perfumes e cigarro – coff coff – ajuda a manter seu olfato e paladar prontinhos para o café!

Dicionário rápido – O QUE É: 

-Doçura? Está provando café de qualidade? Então você pode sentir na ponta da sua língua.
-Ausência de defeitos? Café limpo! Clean! (Você pode ver isso melhor nos grãos de café. Eles têm coloração bonita? São uniformes?)
– Fragrância? O cheiro que você sente no café ‘seco’, ou seja, em grão ou pó.
– E aroma? Já o aroma vem do café já ‘molhado’, depois de entrar em contato com a água.
– Como medir corpo? É aquela sensação de ‘peso’ na língua… café ‘encorpado’ tem mais peso…
– Aftertaste? É aquela sensação depois que você toma o café… é prazeroso? Prolongado? Curto?

Chegou a hora de degustar: 

1 – Ver – olha o grão antes de torrar. Atenção às cores e ao tamanho. Estão uniformes? Ele dá a impressão de limpo?
2 – Sentir fragrância seca –após moído! O que você sente é agradável? O que te lembra?
3 – Agora com o café feito (coado, ou espresso, ou o que você quiser) analise a coloração da bebida e o aroma! Quanto mais livre de defeitos, mais marrom-avermelhado será a cor!
4 – Provar… hum! Nessa hora, perceba: em quais locais a bebida bate na sua língua?

E aí, quais as diferenças e conclusões? Como nosso café brasileiro pode ser cada vez melhor?

Bons cafés e descobertas! ☕

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Você também pode gostar:

Um novo ponto de encontro

A Renata Cardozo agora comanda mais uma unidade do Santo Grão, no edifício UNE. Formada em Hotelaria, ela começou como hostess na unidade Oscar Freire

Leia mais »

Como estamos nos adaptando

Há alguns meses, em uma das reuniões de gerentes gerais, o Danilo (gerente das unidades Vila Madalena e de Moema) compartilhou um fato: “algumas pessoas

Leia mais »